Índice >> Produtos >> Florais e Outros >> Outros Produtos >> Produtos Vibracionais >> Concentrado ZED para Água Angélica 

Concentrado ZED para Água Angélica

Concentrado ZED para Água Angélica


ATENÇÃO!
Este produto é fornecido com folheto de instruções!


Veja os nossos preços agora mesmo!

A Água Angélica ou Água dos Anjos

Os costumes populares de muitos países com tradição judaico-cristã incluem várias receitas para a água angélica. (ou água dos anjos).

Estas Soluções hidroalcoólicas geralmente continham flores ou outras partes de plantas, que eram esmagadas depois maceradas durante semanas. Para esmagar as plantas era necessário um bom pistilo ou pilão e uma mão forte, ou antes um punho poderoso. Depois as macerações eram decantadas e filtradas para formar tinturas.

O processo era concluído com as tinturas a serem diluídas e depois usadas como água para lavar o chão, mobiliário, vestuário, objectos diversos e por vezes o próprio corpo, ou então borrifadas, num esforço para purificar e/ou curar pessoas, ambientes, lugares e coisas...

Sendo a água angélica um remédio energético-espiritual, a sua consagração é tão ou mais importante do que a produção da própria tintura. Assim, estas águas consagram-se e abençoam-se num altar, da mesma forma que se faz outros tipos de águas sagradas.

A fórmula básica da água angélica, após a diluição final, é composta por 30 partes de água de nascente e 1 parte de Álcool Etílico a 95%. Neste soluto é preponderante a tintura (com uma dissolução variável), onde foram maceradas as plantas seleccionadas (ou os seus extractos naturais). Esta tintura, como verificámos, é composta por, plantas, água e uma proporção específica de Álcool (usado na fase inicial como dinamizador da maceração e posteriormente como conservante da tintura obtida).

Ao facultarmos estes Concentrados ZED para Água Angélica, estamos a dar um passo em direcção à ascensão colectiva, pois eles são o resultado de vários anos de experiências e inovações consecutivas das quais resultaram os produtos acabados que agora apresentamos.

Eis as composições básicas de algumas das águas dos anjos (as que temos para fornecer). Note-se que cada uma delas foi produzida com essências florais e/ou óleos essenciais das plantas em causa e elixires dos cristais respectivos:

  • Água Angélica AT para transmutação, ideal para transmutar todas as energias desqualificadas em Luz: Glicópia, Lonícera, Madressilva, Ametista, Sugilite. Ao usar-se, chamem-se todos os anjos da Luz.

  • Água Angélica AS para serenidade, apropriada para promover a paz interior: Jasmim, Rosmaninho, Gardénia, Alfazema, Plumbago, Jasmineiro Galego, Quartzo, Cornalina, Larimar. Ao usá-la, chame-se Itqal, o anjo do afecto, que trabalha pela harmonia humana.

  • Água Angélica AB para bênçãos, destinada a captar amor e amizade: Pinheiro Bravo, Eucalipto Azul, Pinheiro Francês, Eucalipto Vermelho, Quartzo Rosa, Esmeralda. Chame-se Rafael, o anjo da cura.

  • Água Angélica AC para purificação, imprescindível nos processos de cura: Lilás, Budleia, Pinheiro Manso, Pinheiro Silvestre, Sodalita, Lápis-lazúli. Chamem-se Gabriel e Miguel.

  • Água Angélica AR para remoção, extremamente útil para o afastamento de qualquer forma de negatividade: Cravo-da-Índia, Angélica, Pelargónio, Grande Cicuta, Cravo Túnico, Imperatória, Cravo dos Prados, Turmalina negra, Hematita, Ónix. Chamem-se Miguel ou Uriel, os anjos exterminadores.

O Cristianismo e as águas Sagradas

O carácter sagrado da água deve a sua inspiração tanto pela água como força de vida em si própria como ao poder dos rios. Em todo o mundo, podemos constatar a importância espiritual da água, mas avaliemos apenas um par de exemplos:
- Na França, na fonte do Rio Sena (la Seine) está erigido um templo celta dedicado à deusa Sequana;
- O Rio Marne (la Marne), o mais extenso da França, deve o seu nome à palavra Marne, ou Divina Mãe (em gaulês, Matrona em latim);
- O antigo nome do Rio Tamisa (river Thames), na Inglaterra, era Temese em inglês médio, ou Tamesis (em latim e celta), indicando uma divindade fluvial homónima.

Na Europa, com o advento do cristianismo e seu posterior crescimento, a ancestral devoção espiritual à água foi abolida. A nova religião considerava a devoção à água um acto pagão, denunciando a prática como uma abominação. Eis alguns exemplos disso:
- No Segundo Conselho de Arles, cerca de 452, um cânone declarava: "Se dentro do território específico de um bispo, os infiéis acenderem tochas ou venerarem árvores, fontes ou pedras, e se o bispo negligenciar a abolição desta prática, ele deve saber que será considerado culpado de sacrilégio".
- Em 960, o Rei saxão Edgar emitiu um decreto requerendo que "cada padre faça avançar o Cristianismo e extinguir o paganismo, proibindo o culto das fontes.".
- Éditos como este continuaram a ser promulgados até ao século XII.
- Os registos da Catedral e Diocese de Hereford revelam que, no século XV, foi emitido um decreto proibindo o culto dos poços e de outras fontes de água em Turnaston, Inglaterra: "Embora esteja estipulado pelas leis divinas e cânones sagrados que todos os que adorarem uma pedra, ou fonte ou outras criaturas de Deus, incorrerá em incriminação de idolatria, chegou aos nossos ouvidos, temos a infelicidade de dizer, que dos relatos de muitas testemunhas credíveis e dos relatos comuns do povo, que muitos dos nossos sujeitos estão, em grande número, a visitar um certo poço e uma pedra em Turnaston, na nossa diocese, onde com genuflexões e oferendas, sem contar com a autoridade da Igreja, adoram erroneamente a dita pedra e poço, cometendo, portanto, idolatria; quando a água cai, eles levam consigo o barro da mesma, tratando-o e conservando-o como se fosse uma relíquia, apesar do grande perigo para as suas almas e do exemplo pernicioso para os demais. De forma que suspendemos o uso do dito poço e pedra e, sob pena de excomunhão , proibimos o nosso povo de visitar o poço e a pedra para motivos de culto. E deputamos a cada um de vocês, e firmemente vetamos, em virtude da sagrada obediência, de proclamarem publicamente nas suas igrejas.

 

Porém, apesar do veto religioso relativo ao culto da água, a profunda fé das pessoas quanto ao carácter sagrado da mesma, persistiu. De modo a proteger os rituais sagrados, o povo converteu os lugares sagrados a um uso cristão, pelo que velhos hábitos foram absorvidos pelos rituais do cristianismo e a adoração da água foi encapotada por uma fachada cristã e a água manteve a sua natureza sagrada nos rituais do baptismo e da lavagem das mãos. Os sítios e igrejas onde se realizavam os baptismos eram construídos perto de determinados poços de água, ou, em certos casos, precisamente sobre estes.


Há pelo menos uma essência floral das linhas Florais ZED que responde
cabalmente ao seu problema físico, mental, emocional, espiritual ou energético!

Nota: Os produtos, técnicas, terapias e informações deste sítio não substituem a consulta do seu médico ou especialista!

ATENÇÃO! Este produto é fornecido com folheto de instruções!

Esta solução concentrada recorre a Florais ZED específicos e a Cristais seleccionados destinados a facilitar a sua produção pessoal da Água Angélica.
Se quer adquirir o Concentrado ZED para Água Angélica, eis os dados para a sua encomenda:

Referência

Designação do Produto

Valor Unitário

Peso Unitário

ZV-103AT

Frasco de 20 ml com goteira de plástico + Instruções

€ 28,20

65 gramas

ZV-103AS

Frasco de 20 ml com goteira de plástico + Instruções

€ 28,20

65 gramas

ZV-103AB

Frasco de 20 ml com goteira de plástico + Instruções

€ 28,20

65 gramas

ZV-103AC

Frasco de 20 ml com goteira de plástico + Instruções

€ 28,20

65 gramas

ZV-103AR

Frasco de 20 ml com goteira de plástico + Instruções

€ 28,20

65 gramas

   ESTE PRODUTO TEM PORTES GRÁTIS   

Consulte as Condições de Venda e Portes e utilize o nosso Formulário de Encomenda. Obrigado!

<  índice  voltar
Sede e Endereço Postal: Florais ZED - Centro Comercial D. Dinis, Sala 703 - Av. Combatentes da Grande Guerra - 2400-122 LEIRIA - PORTUGAL
Telefones: 00351 244836160, 00351 938195335         e-Mails: Terapias, Formação e Produtos [].
Está absolutamente interdita e sujeita a processo judicial qualquer forma de cópia ou reprodução dos conteúdos das páginas deste sítio.
O 7ºzed - Escola de Reiki ZED de Leiria é a sede física dos Florais ZED, essências florais de Portugal desde 2001
Copyright © 2006-2017 - Francisco Godinho, Leiria.  Web-Designer [] Última modificação desta página: 01/01/17 Visitas desde 07/06/07: contador para blog